quarta-feira, 7 de dezembro de 2016

Obra da Barragem de Ingazeira será retomada no início de janeiro

A Promessa foi feita pelo engenheiro Gervásio Silva, responsável pela obra da Barragem de Ingazeira e a noticia repassada hoje ao comunicador Anchieta Santos no Programa Rádio Vivo, na Rádio Pajeú pelo Presidente da Amupe em exercício Luciano Torres, prefeito de Ingazeira.
A informação é de que R$ 7,8 milhões foram liberados, com R$ 7 milhões para obra e R$ 800 mil para consultoria e indenizações.

Na próxima semana a empresa responsável pela construção da barragem reiniciará a contratação do pessoal e no início de janeiro os trabalhos serão retomados. Nos próximos dias mais R$ 7 milhões serão liberados para a obra, disse Luciano.

Sobre o Congresso da Amupe para os novos gestores, Torres considerou um sucesso, inclusive com a notícia dada pelo Governador Paulo Câmara de manutenção do FEM. Sobre atraso de parcelas do FEM 2014, Luciano disse que a informação da SEPLAG é de que os recursos estão disponíveis, faltam os municípios atualizarem suas prestações de contas.

Luciano disse que 140 prefeitos e mais 800 participantes entre secretários, assessores e palestrantes tomaram parte no encontro de Gravatá realizado nos dias 05 e 06 de dezembro.
Nill junior

Prefeito eleito da Ingazeira participa de congresso da AMUPE em Gravatá

Os prefeitos eleitos do Pajeú junto com suas respectivas equipes participaram durante está segunda (05) e terça (06) do Congresso Novos Gestores promovido pela Associação Municipalista de Pernambuco – AMUPE, e um dos prefeitos que esteve no evento foi Lino Morais (PSB), que foi eleito no último pleito na cidade de Ingazeira. 

E nesta terça com a participação do Governador do Estado, Paulo Câmara, Lino disse que não teria notícia melhor do que foi dada que é continuação do FEM, “Esses dois dias tem sido de muita importância para nós futuros gestores, e no dia de hoje com a presença do Governador não teríamos notícia melhor que a continuação do FEM, que vem socorrendo os municípios nesses tempos difíceis”.

Falando sobre a expectativa de como será sua gestão, o prefeito eleito citou que é um período difícil mais que sempre irá buscar o melhor para o povo da Ingazeira, “Nós sabemos que é um tempo de muitas dificuldades, nós temos além da dificuldade econômica que o país atravessa, temos a seca que dificulta a gestão de todos os municípios de Pernambuco. Porém nós temos que trabalhar junto com a equipe para trazermos dias melhores para os nossos munícipes”.

Para Lino Morais a AMUPE tem sido uma grande parceira para todos os municípios do Estado, e que sempre que os gestores necessitam ela sempre está à disposição para ajudar os gestores.

Sobre a transição de governo de socialista para socialista, já que o atual gestor da Ingazeira, Luciano Torres, foi o grande incentivador da campanha vitoriosa de Lino, ele destacou que será uma transição tranquila, “Luciano será um grande parceiro durante esses próximos quatro anos e sem dúvida nenhuma será uma transição tranquila, e com isso será uma gestão, que dentro das dificuldades, iremos superar e contanto sempre com a parceria do atual prefeito”.

Coordenador Regional da Compesa faz balanço do abastecimento de água na região

Para fazer um balanço no abastecimento de água na região, o Coordenador Regional da Compesa Washington Jordão foi o entrevistado de ontem do Programa Cidade Alerta na Cidade FM. Com o colapso total do abastecimento em Santa Terezinha, Jordão disse que os carros pipa já estão sendo contratados para o abastecimento da cidade. Solidão, segue em colapso e por isso a Compesa tem feito o manejo com carros pipa alimentando o reservatório para a distribuição. 

O rodizio é feito com abastecimento a cada 15 dias. Borborema de Tabira com reservatório seco recebe água de carro pipa (parceria Prefeitura/Compesa) para ser distribuída pelo reservatório. Os povoados de Riacho do Meio (São José do Egito) e Santa Rosa (Ingazeira), são abastecidos pelos municípios. São José do Egito, Tuparetama, Iguaracy, Ingazeira e Jabitacá, são atendidas pela adutora do Pajeú; Itapetim vive situação confortável com água em sua barragem; Brejinho está sendo atendida pela barragem de mãe d’água. Afogados e Tabira atendidas pela adutora Zé Dantas, Adutora do Pajeú e Barragem de Brotas, enfrentaram dificuldades nos últimos dias.

 Na Adutora Zé Dantas, poços sofreram redução de vazão e precisaram de manutenção; Adutora do Pajeú quando não tem problema de estouramento, surgem problemas elétricos; e Brotas a captação do chamado volume morto está sendo feito com bomba flutuante. Diante da grave situação, que venham as chuvas para salvar os nossos reservatórios e melhorar o abastecimento das nossas cidades, disse Jordão. (Por Anchieta Santos)

terça-feira, 6 de dezembro de 2016

PAULO CÂMARA: “ESTAREMOS JUNTOS COM OS MUNICÍPIOS EM 2017″

O trabalho integrado e as parcerias com os municípios são princípios fundamentais para o Governo de Pernambuco para a promoção do desenvolvimento descentralizado no Estado. Esse compromisso foi reafirmado , nesta terça-feira (06.12), pelo governador Paulo Câmara durante o seminário da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), em Gravatá, no Agreste. Na oportunidade, o gestor ainda renovou o Plano de Combate às Doenças Transmitidas pelo Aedes aegypti e assinou o decreto que prorroga a Situação de Emergência em Saúde por mais 180 dias.

“Os prefeitos eleitos e reeleitos têm o desafio muito grande de trabalhar pelo seu município em um momento de crise econômica tão difícil. Então, a gente se prontifica a continuar com as parcerias e a buscar soluções. Os enfrentamentos vão continuar a existir, porque os recursos financeiros são escassos, diante de tanto serviço. Mas o Governo do Estado se coloca à disposição, como sempre esteve, dos 184 municípios pernambucanos”, garantiu o governador.

Após a assinatura dos decretos, o chefe do Executivo estadual fez uma explanação dos avanços do Governo do Estado. Paulo afirmou ainda que sua equipe tem mantidos os esforços para atrair novos investimentos. “Apesar do momento econômico, vamos ter a primeira fábrica de medicamentos do Estado com o início da operação da Aché”, lembrou Paulo.

Câmara esclareceu que a queda da arrecadação, verificada nos últimos anos, reduziu a capacidade de investimentos do Estado. Mas Pernambuco buscou as condições necessárias para continuar investindo. “Apesar do cenário, os resultados foram positivos para os pernambucanos. Os resultados mostram que Pernambuco teve a maior redução de despesas do País, em 2015, com 12,5%. E nós vamos manter”, destacou.

Com o tema “Planejando uma gestão de qualidade”, o encontro promovido no Hotel Canariu’s reuniu gestores municipais de todo o Estado. O prefeito reeleito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, afirmou que estava ciente das dificuldades, mas que os gestores não podem perder a esperança no futuro. “Vamos juntos nessa travessia fazer um Pernambuco melhor para o nosso povo”, afirmou Patriota.

O seminário encerrou as atividades da entidade pernambucana que tem mais de 171 administradores filiados. De acordo com a Amupe, o pleito municipal deste ano elegeu 136 novos prefeitos e outros 48 foram reeleitos. A prefeita reeleita de Arcoverde, Madalena Brito, avaliou o encontro como uma “oportunidade para trocar experiências”. “Aqui, nós ouvimos experiências de prefeituras que estão dando certo na administração. E nós viemos aqui para ouvir e compartilhar”, disse Madalena.

O encontro, que foi promovido em parceria com o Governo de Pernambuco, foi mais uma oportunidade para ampliar o relacionamento entre o Estado e os 184 municípios pernambucanos.

ARBOVIROSES – A epidemia das arboviroses vivenciada pelos pernambucanos, no fim do ano passado, levou o governador Paulo Câmara a renovar, nesta terça, o Plano Estadual de Combate às Doenças Transmitidas pelo Aedes aegypti e prorrogar a Situação de Emergência em Saúde. A medida – em vigor desde dezembro de 2015 – visa manter a celeridade nas ações já realizadas.

O governador alertou: “Não podemos descansar. Temos que continuar a evitar a proliferação do mosquito”. E completou: “O Estado está melhor preparado hoje para o enfrentamento dessas doenças que são novas e surgiram em 2014 no Brasil. Pernambuco foi atingido em 2015. E em 2016, já conseguimos resultados melhores e gente espera que diminua mais em 2017″.

As ações do plano envolvem o combate ao mosquito, compra de equipamentos e estratégias de mobilização social. Entre as novidades deste ano, está o início da operação de um ambulatório para pacientes com chikungunya no Hospital Getúlio Vargas, no Recife, e a descentralização dos exames para detectação da febre. Além do serviço na capital, é possível receber atendimento em outras quatro unidades de reumatologia localizadas no interior do Estado.

Confiante com o aprimoramento da medida, o secretário de Saúde, Iran Costa, disse que a estratégia do ano passado proporcionou uma redução de 24% nos casos de dengue no Estado. “O foco do plano é o combate aos criadouros do mosquito ainda na fase da larva. Isso porque sem mosquito não há transmissão de doenças”, salientou, completando: “Há muito a ser feito, mas nós conseguimos evoluir”.

Ainda acompanharam o governador no encontro da Amupe os secretários Antonio Figueira (Casa Civil), Francisco Papaléo (Cidades), Angelo Gioia (SDS), Silvia Cordeiro (Mulher), Nilton Mota (Agricultura), Márcio Stefanni (Planejamento e Gestão). Além do chefe de Gabinete do Governador, João Campos; o presidente da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Guilherme Uchoa; os deputados estaduais Aluisio Lessa e João Eudes; e o interventor de Gravatá, o coronel Mário Cavalcanti.

TRE-PE MAIS UMA VEZ NEGA RECURSOS E MANTEM REGISTRO DA CANDIDATURA DE SÁVIO TORRES

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) manteve, pela quarta vez seguida, nesta segunda (05) o registro de candidatura de Sávio Torres a prefeito de Tuparetama. A informação foi confirmada pela Assessoria Jurídica de Sávio ao blog.

Sávio já havia conseguido o registro na Justiça Eleitoral em primeira instância quando teve o pedido de candidatura deferido pela Juíza Eleitoral, Ana Marques Véras.

A coligação Frente Popular de Tuparetama do prefeito e candidato a reeleição, Dêva Pessoa, recorreu pela terceira vez junto ao TRE e os membros do Tribunal, por unanimidade, negaram provimento a esse novo Recurso (embargos de declaração), mantendo Sávio como candidato e ratificando a vontade do povo nas urnas.

App grátis promete ensinar idiomas de forma rápida

Opção para escolher um idioma para estudo no aplicativo Babbel (Foto: Reprodução/Marvin Costa)O Babbel é um aplicativo gratuito que permite aos usuários aprender um novo idioma de forma intuitiva. Com o programa, é possível baixar aulas em diversos níveis de conhecimento em uma língua estrangeira e treinar a pronúncia das palavras usando o reconhecimento de voz inteligente do serviço.


Mesmo tendo foco em conteúdos pagos, a ferramenta permite baixar, de forma limitada, cursos para que o usuário escolha se quer assinar um dos planos disponíveis. Para saber como usar o Babbel para aprender um novo idioma pelo celular.
Techtudo

Renan Calheiros é afastado da presidência do Senado

Renan Calheiros (PMDB-AL) acabou de ser afastado da presidência do Senado. A decisão partiu do Marco Aurélio Mello, do STF (Supremo Tribunal Federal).

A decisão veio após pedido do partido Rede Sustentabilidade. Marco Aurélio entendeu que, como réu no Supremo, Renan não pode continuar no cargo, por dessa forma, permanecer na linha sucessória da Presidência da República.

“Defiro a liminar pleiteada. Faço-o para afastar não do exercício do mandato de Senador, outorgado pelo povo alagoano, mas do cargo de Presidente do Senado o senador Renan Calheiros. Com a urgência que o caso requer, deem cumprimento, por mandado, sob as penas da Lei, a esta decisão”, disse o ministro.

Rádio alternativa de linha modulada entrará no ar experimentalmente em Afogados

A Prefeitura de Afogados da Ingazeira, no uso de suas atribuições legais, informa que entrará em funcionamento a partir desta terça (06), o serviço de rádio alternativo de linha modulada, em caráter rigorosamente experimental.


O referido serviço já obteve autorização para utilização dos postes da companhia de energia (CELPE), e solicitou a esta administração alvará de funcionamento provisório. A proposta apresentada inclui como objeto a difusão sonora com fins culturais, educacionais, assistenciais e de utilidade pública, dentre outros.


Informamos que pelo fato de a atividade entrar em operação no caráter experimental, estamos abrindo canais de diálogo para que a população possa se manifestar a respeito através da nossa ouvidoria municipal: 


Telefone/whatsApp: 99978 1666
Telefone fixo: 3838 2711


No início de janeiro, com data ainda a ser definida, a Prefeitura realizará uma audiência pública sobre o assunto, para que todos possam opinar. A data será oportunamente divulgada.

segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

ZEINHA PARTICIPA DO SEMINÁRIO NOVOS GESTORES PROMOVIDO PELA AMUPE



Foi aberto agora a pouco, o Seminário NOVOS GESTORES, com uma grande presença de prefeitos pernambucanos eleitos, promovido pela pela Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), em parceria com o Governo do Estado, no Hotel Canarius de Gravatá e vai até amanhã com a presença do Governador Paulo Câmara.

O Presidente da Amupe e prefeito da Ingazeira, Luciano Torres, deu as boas vindas aos presentes.

O Presidente licenciado da Amupe e prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota, o interventor de Gravatá Coronel Mário Cavalcanti; Secretário Geral da CNM, Eduardo Tabosa; Fernando Clímaco, Gerente da Unidade do SEBRAE, Simone Nunes, Superintendente da Caixa Econômica Federal; Carlos Delcidio, Fundação ABRINQ; Abelardo Lopes CGU, Maria Elza, Presidente da UNDIME, Deputados Estaduais, Raquel Lira, Ângelo Ferreira e Aloísio Lessa e o Secretario Executivo da Casa Civil, Marcelo Canuto, formaram a mesa.Prefeitos do Pajeú presentes: Sávio Torres (Tuparetama), Sebastião Dias (Tabira), Luciano Duque (Serra Talhada), Djalma Alves (Solidão), Zeinha Torres (Iguaracy), Lino Morais (Ingazeira), Marconi Santana (Flores).

Acontece neste momento a palestra do Dr. Hélio Ourem – Juiz Federal Coordenador do Grupo de Pesquisas Políticas e Tributação da CNPQ-UNICAP.
Fotos:Júnior Finfa

Perícia investigará queda de helicóptero que matou noiva em SP

Perícias previstas para a manhã desta segunda-feira (5) vão investigar a causa da queda de um helicóptero que matou uma noiva que estava a caminho de seu casamento na grande São Paulo no domingo (4). Peritos do Instituto de Criminalística de polícia paulista e especialistas da Aeronáutica estarão no local da queda do helicóptero em São Lourenço da Serra em busca de indícios da causa do acidente.

A queda ocorreu a poucos quilômetros do espaço que tinha sido alugado para a festa. A noiva tinha o sonho de chegar ao casamento de helicóptero, segundo o dono do buffet e responsável pela organização da festa, Carlos Eduardo Batista. O noivo a aguardava no altar quando soube do acidente.

Também morreram o piloto, Peterson Pinheiro, o irmão da noiva, Silvano Nascimento da Silva e a fotógrafa Nayla Cristina Neves Lousada, que estava grávida de seis meses.

“O noivo não sabia que ela chegaria de helicóptero. Seria uma surpresa para ele e para todas as pessoas da festa. Todas as noivas têm um sonho e o dela era chegar de helicóptero a seu casamento sem que ninguém soubesse”, disse Carlos, um dos poucos que sabiam da surpresa para poder organizá-la.


Noiva que morreu em acidente de helicóptero no domingo (4), na Grande São Paulo (Foto: Redes Sociais)

O dono do buffet afirmou que estranhou quando o helicóptero não pousou no campo de futebol do sítio e procurou a empresa responsável pela aeronave. “O dono disse que o helicóptero já tinha subido e que já deveria ter chegado”. “Pouco depois, ele mesmo me disse que uma aeronave tinha caído, mas que não imaginava que seria a sua própria”, completou.

Quando recebeu a confirmação da queda e das mortes, Carlos comunicou primeiramente o noivo. “Chamei o pastor que estava na cerimônia e ele foi comigo comunicar para tentar acalantar o noivo. Ele ficou em estado de choque. Depois, os demais convidados [cerca de 300] souberam e ninguém sabia como agir. Foi uma tragédia”. Alguns familiares e convidados permaneceram no local da festa e outros foram embora.

O helicóptero que caiu é do modelo Robinson 44, matrícula PRTUN, segundo a Aeronáutica. De acordo com o órgão, uma equipe do Seripa IV (Quarto Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos) está indo para o local para começar as investigações do acidente.

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) informou, por meio de sua assessoria de imprensa, que a aeronave estava com inspeção válida até 16 de dezembro, que o certificado de aeronavegabilidade estava normalizado e que poderia voar até dia 1º de fevereiro de 2017 e que a capacidade era de 3 pessoas, sem contar o piloto.

A queda ocorreu na Estrada da Barrinha. A aeronave caiu em uma região de mata fechada, próxima à Rodovia Régis Bittencourt. Por volta das 18h, quando o Globocop sobrevoava a área, havia neblina e chuva.

Familiares das vítimas estiveram na manhã desta segunda no Instituto Médico Legal (IML) em São Paulo para organizar a liberação dos corpos.
G1

Local da tragédia em Medellín atrai dezenas de visitantes diariamente

Muitas pessoas encaram a trilha que leva ao local do desastre aéreo diariamente (Foto: Vicente Seda)

Cinco reais. É o preço para transformar um cenário de tragédia em ponto turístico. Um passeio em família numa tarde de domingo. Por esse valor, se contrata um motoqueiro nas proximidades de La Unión para chegar a Cerro Gordo, região do acidente que matou 71 pessoas, entre membros da delegação da Chapecoense, convidados e jornalistas. Dezenas de visitantes, de todas as idades, vão diariamente ao local, como relataram os moradores. Por mera curiosidade, para rezar pelos mortos, ou por outros motivos menos nobres. Alguns se emocionam e choram, outros descem a colina brincando e rindo. Um contraste forte entre os que chegam de várias partes do distrito de Antioquia. 

De acordo com os motoqueiros que fazem o trajeto - e que não quiseram fornecer nomes ou gravar entrevistas - todos os dias as pessoas começam a chegar pela manhã e o fluxo segue intenso até as últimas horas de luz do sol. É preciso muita vontade de ver os destroços para se propor a encarar cerca de uma hora e meia de estrada de terra e pedras, cheia de atoleiros. Partindo de Medellín, o percurso leva cerca de três horas. E veículos comuns, sem tração nas quatro rodas e suspensão apropriada, ficam pelo caminho.
GE

sexta-feira, 2 de dezembro de 2016

FESTA NO SÍTIO VARZINHA DE IGUARACY


Em carta aos colombianos, jornalista agradece apoio: "Foram gigantes"

Por Victor Canedo

Rio de Janeiro

Em carta enviada ao site "Goal.com", o jornalista da casa, Victor Canedo, agradeceu as homenagens feitas, na última quarta-feira, pelos colombianos no estádio Atanasio Giradot às vítimas do acidente com o avião da Chapecoense. Ele exaltou a grande quantidade de pessoas dentro e fora do estádio em Medellin, e como a imagem dos vizinhos sul-americanos mudou após os gestos de solidariedade e carinho com a Chape.

Imagem aérea do estádio Atanasio Girardot (Foto: Divulgação)
GE

Prefeito Luciano Torres defende Jose Patriota outra vez para a Amupe e a Câmara Federal

Por Anchieta Santos

Na condição de Presidente da Amupe e Prefeito de Ingazeira, Luciano Torres falou ontem a Rádio Cidade FM. Ele disse que 50% dos gestores municipais já pagaram o 13º dos servidores e que os recursos da repatriação estão sendo determinantes para que todos cumpram o compromisso até o final do mês.

Torres fica na Amupe até março, quando será substituído pelo Presidente eleito em fevereiro. “Pelo excelente trabalho que fez e pela visibilidade que deu a Amupe, Patriota deverá ser Presidente outra vez” – o FPM de dezembro ganhará mais 1% e ajudará os prefeitos a saudarem os compromissos. Luciano também reforçou o Seminário em Gravatá nos dias 5 e 6 direcionado aos eleitos com presença do Governador Paulo Câmara.

O prefeito ingazeirense se mostrou agradecido pelos 83% de aprovação do seu governo, segundo recente pesquisa do Instituto Múltipla. Ele se mostrou contente pela vitória de sua chapa na eleição, formada por Lino Moraes Prefeito e Juarez Ferreira vice. Negou uso do poder econômico na disputa dizendo que quem conhece bem o tema é o opositor (Mário Filho).

Luciano prometeu o início da obra da Creche que demorará 7 meses e será concluída na futura gestão de Lino. Sobre as emendas dos deputados Fernando Filho (R$ 680 mil) para asfaltamento de ruas da cidade e de Ângelo Ferreira para atender Santa Rosa, também serão transformadas em obras na próxima gestão.

Torres disse que segue na luta pela Barragem de Ingazeira e admitiu ter havido um erro de comunicação para sequência da obra. Segundo o prefeito, o diretor da empresa admitiu que havendo liberação de recursos retomaria a obra da barragem, o que não aconteceu.

Sobre a substituição do apoio ao Deputado Ângelo Ferreira, eleito prefeito de Sertânia, Luciano disse já ter fechado apoio ao socialista Diogo Morais e o seu federal será José Patriota prefeito de Afogados. Se Patriota for estadual, precisará da intervenção do Governador para uma nova decisão.

O Prefeito de Ingazeira se colocou a disposição para ajudar o eleito Lino Moraes(PSB) e ou mesmo o seu irmão Zeinha Torres(PSB), eleito em Iguaracy. Luciano disse que o seu propósito é voltar ao IPA órgão estadual a que pertence.

PAULO: “O NORDESTE ESTAVA CERTO”

“O resultado da conversa do presidente Michel Temer com os governadores representantes das cinco regiões do País mostra que os Governos do Nordeste estavam certos em defender a separação do debate sobre a divisão da multa da repatriação e a adoção de novas medidas de ajuste fiscal. É fundamental que esse diálogo entre Estados e Governo Federal seja transparente e permanente”, avaliou o governador Paulo Câmara, que, no último dia 25, reuniu os governadores nordestinos para tratar das questões relativas ao ajuste fiscal e a retomada do desenvolvimento do Brasil.

O governador de Pernambuco lembrou um dos pontos da “Carta do Recife”, que defendia exatamente a discussão estadualizada sobre o ajuste fiscal, pois cada unidade da Federação tem uma realidade específica. Paulo Câmara conversou no último sábado (26.11), por telefone, com o presidente Temer para comunicar o resultado da reunião no Recife. Ficou acertado que o presidente receberia os governadores esta semana.

“Pernambuco, por exemplo, vem fazendo seu dever de casa. O ajuste fiscal começou desde primeiro dia do nosso Governo. Adotamos um plano de contingenciamento, reduzimos os cargos comissionados. Em 2015, tivemos a maior redução de despesa de custeio do Brasil. Já em 2016, criamos o Fundo de Estabilização Fiscal, medidas que mostram o nosso compromisso com a responsabilidade fiscal”, disse o governador pernambucano.

Paulo Câmara lembrou que os Estados do Nordeste têm suas dívidas muito abaixo do limite da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). A dívida consolidada representa 11,16% da dívida total dos Estados, ao contrário do que acontece com os três maiores Estados da Federação, que respondem por 66% da dívida total e já ultrapassaram ou estão prestes a atingir este patamar.

“Por mérito de seus governos estaduais, portanto, o Nordeste passou ao largo da crise da renegociação das dívidas estaduais, tendo sido, inclusive, prejudicado neste processo, já que as concessões feitas pelo Governo Federal no acordo então celebrado trouxeram benefícios muito pequenos e laterais a Estados que já tinham suas dívidas ajustadas”, argumentou Paulo.

Para o governador pernambucano, o esforço fiscal dos Estados nordestinos, como vem sendo enfatizado pelos seus governadores, está expresso pelos números oficiais apurados pelo próprio Governo Federal. “De acordo com dados divulgados pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN), o conjunto dos Estados do Nordeste reduziu, em 2015, 90% do déficit primário apurado em 2014. Além disso, a despesa primária cresceu apenas 0,41% entre 2014 e 2015 – bem abaixo do IPCA, que ficou em 6,41% em 2014”, disse Paulo Câmara.

Enquanto a despesa primária dos Estados do Nordeste cresceu apenas 0,41%, a receita líquida cresceu 3,74% em 2015. “E o mais importante: ante um crescimento de 5,15% nas receitas de arrecadação própria, aquelas provenientes das transferências da União aos Estados registraram incremento de apenas 2,34% nominal no período”, concluiu o governador Paulo Câmara.